CRIPTOSPORIDIOSE EM CRIANÇAS MENORES DE CINCO ANOS DE UMA CRECHE NA CIDADE DE BOM JESUS DO ITABAPOANA, ESTADO DO RIO DE JANEIRO, BRASIL

Alcemar Antonio Lopes Matos, Maria de Lourdes Ferreira Medeiros de Matos, Fernanda Castro Manhães, Bianca Magnelli Mangiavacchi, Ligia Cordeiro Matos Faial, Davi de Rezende Teixeira Monteiro, Antonio Neres Norberg

Resumo


Cryptosporidium spp. é um protozoário cosmopolita, incluído no Filo Apicomplexa, que se implanta nas bordas das vilosidades intestinais e causa um quadro clínico de dores abdominais com vômitos e diarreia, e afetam com frequência crianças e pessoas imunocomprometidas. O objetivo dessa pesquisa foi investigar oocistos de Cryptosporidium nas fezes de crianças menores de cinco anos de idade matriculadas na creche da Escola Municipal Mariquinha Batista, na cidade de Bom Jesus do Itabapoana. Foram examinadas 67 amostras fecais de crianças de ambos os gêneros. As amostras foram processadas pela técnica de Ritchie. Com o sedimento foram preparadas duas lâminas para cada amostra por criança, e coradas pelo método de Kinyoun. As lâminas foram examinadas em microscopia de luz com aumento de 1000X. Das 67 amostras examinadas, em 12 foram observados oocistos de Cryptosporidium spp., correspondendo ao coeficiente de prevalência de 17,91%. Sugerimos orientar aos pais e à equipe de atendentes nas creches quanto ao cuidado com a potabilidade da água e na proteção dos alimentos, especialmente quanto ao uso de água filtrada destinada ao consumo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

ISSN: 1679-9844 
  

 This work is licensed under a Creative Commons License Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.