A MORTE COMO UM MAL DE PRIVAÇÃO

Alonso Castro Colares Júnior, Julio Cesar Ramos Esteves

Resumo


Este artigo pretende discorrer sobre o fenômeno da morte e se a mesma seria um mal de privação ao sujeito. Em um primeiro momento iremos tratar sobre o conceito de morte, sua natureza, o conhecimento do fenômeno da morte e da mortalidade. A seguir, iremos discorrer sobre a morte como objeto da experiência e, por fim analisar a morte como um mal de privação do sujeito.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

ISSN: 1679-9844 
  

 This work is licensed under a Creative Commons License Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.